Bancários testam positivo para covid-19 no Santander e Sindicato cobra sanitização da unidade

14 de dezembro de 2020

Agência da Marquês do Herval, em Campina Grande, teve até o momento três casos de covid-19 confirmados

A covid-19 continua aparecendo entre a categoria bancária. Desta vez, as notificações foram no Santander, em Campina Grande, onde três bancários testaram positivo para a doença, somente na agência Marquês do Herval.

De acordo com o que foi constado pelo Sindicato, mesmo com as confirmações dos casos, a agência não seria submetida a sanitização sob a alegação de já ter passado o prazo de 72 horas das notificações. Ocorre que o terceiro caso foi confirmado nesta segunda-feira (14), quando os funcionários foram submetidos ao teste.

Após cobrança do Sindicato junto ao departamento de relações sindicais, o banco confirmou que a unidade será sanitizada de hoje para amanhã.

O movimento sindical defende que o protocolo correto, em casos suspeitos ou confirmados é que o local seja fechado para higienização, assim como o afastamento e testagem dos demais trabalhadores. São medidas necessárias que minimizam o risco a saúde dos bancários e clientes, ainda mais agora, com o crescimento no número de casos em todo o Estado.

A direção da entidade tem cumprido o papel de fiscalizar as denúncias e tornar público a situação alarmante das agências bancárias a toda a população, e destaca a falta de compromisso dos bancos no tocante ao relaxamento dos protocolos de segurança.

O Sindicato tem atuado na defesa da vida e dos direitos do trabalhadores. Em mesa de negociação com os bancos foi conquistado medidas de segurança para bancários e clientes, além do afastamento para quem é do grupo de risco e home office para a maioria da categoria.

A entidade está sempre intervindo para resguardar esses direitos. Mas é preciso que os bancos cumpram com sua palavra e exerçam seu papel social com os empregados e com a sociedade. 

Fonte: Seeb_CGR