Bancos públicos perdem espaço no mercado de crédito

20 de julho de 2021

Resultado de uma política que não valoriza os bens do Estado brasileiro, os bancos públicos  perderam espaço no mercado de crédito em 2020. De acordo com o Banco Central, o conglomerado das cinco maiores organizações financeiras do país ainda concentra 68,5% do mercado, mas perdeu espaço para o setor não bancário, que engloba fintechs de crédito e cooperativas.


Segundo o documento, BB, Caixa e BNDES reduziram a participação de 48,9%, em 2018, para 42,8%, em 2020. A explicação está também no aumento da participação de empresas de fora do grupo dos cinco maiores bancos,  principais concorrentes das instituições públicas.


O relatório do BC ainda revela que, especificamente no crédito rural, a concentração de crédito financiado pelos bancos públicos está em declínio. Devido ao aumento de participação dos demais bancos comerciais e múltiplos e das cooperativas de crédito, as pessoas que precisam desta modalidade não têm recorrido às estatais.

Fonte: Seeb_Bahia