Comando Nacional entrega minuta específica dos funcionários do BNB

21 de junho de 2022

O documento foi deliberado no 28º Congresso Nacional do BNB e abrange temas como cláusulas econômicas e benefícios

As negociações coletivas dos funcionários do Banco do Nordeste (BNB) começaram, nesta segunda-feira (20), com a entrega da minuta específica. A reunião foi realizada na sede administrativa do Passaré, em Fortaleza, com a participação do diretor de Administração do BNB, Haroldo Maia, e de vários diretores da Instituição. A minuta foi entregue pelo Comando Nacional dos Bancários, por representantes da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT) e da Comissão Nacional dos Funcionários do Banco do Nordeste do Brasil (BNB), juntamente com diretores dos Sindicatos dos Bancários do Ceará, Paraíba, Alagoas e Piauí.

A minuta, deliberada no 28º Congresso Nacional do BNB, abrange temas que passam por cláusulas econômicas e benefícios; defesa do BNB e cláusulas sobre previdência; cláusulas sociais, sindicais e teletrabalho; saúde e condições de trabalho.

Para o presidente da Federação dos Trabalhadores do Ramo Financeiro do Nordeste (Fetrafi/NE), Carlos Eduardo, todos esses temas se unem em um único objetivo que é a defesa do BNB como banco público, que deve pensar políticas de desenvolvimento e de melhoria de condição de vida do povo brasileiro. “Para isso, é necessária a luta dos bancários de todo Brasil e também do BNB, na CCT (Convenção Coletiva de Trabalho) da categoria e no ACT (Acordo Coletivo de Trabalho) do BNB”, concluiu.

Já o secretário Geral da Contraf-CUT, Gustavo Tabatinga, acredita que somente com a unidade e com o debate durante todas as conferências foi possível uma minuta representativa. “Hoje temos aqui o norte para a nossa campanha salarial. O controle dessa situação está nas mãos dos bancários e bancárias que discutiram e debateram cada pauta aprovada e que hoje foi entregue à direção do BNB”.

De acordo com Lindonjhonson Almeida, do Sindicato dos Bancários da Paraíba, é necessário lutar por um BNB público, com melhoria de trabalho, renda e saúde dos funcionários. “Essas conquistas dependem diretamente da construção e aprovação dessa minuta e, agora, das negociações. Por isso a importância desse momento”, disse.

Os demais presentes na reunião falaram sobre a importância do diálogo entre os representantes da categoria e a direção do banco, pauta também destacada por Haroldo Maia, diretor do BNB. “Todas as pautas trazidas foram e são discutidas com respeito e seriedade. É importante essa condição que foi criada de olharmos uns para os outros como pares, e assim buscar melhorias”, disse o diretor. É o que acredita o presidente do Sindicato dos Bancários de Alagoas, Márcio dos Anjos: “Esperamos que, com esse gesto da entrega da minuta, nós possamos construir verdadeiramente uma relação de respeito e ousadia, pois o momento exige diálogo e luta”.

Representando a Comissão Nacional dos Funcionários do BNB, Carmen Araújo lembrou que o lema da campanha é #BoraGanharEsseJogo e que, portanto, precisa-se de um time unido e disposto, como é o caso da categoria bancária. “De agora em diante faremos nossas negociações, não só as específicas do banco, mas a pauta geral. Hoje é um dia para festejar, pois a entrega da minuta é o início dos jogos em que, certamente, sairemos vitoriosos”.

Fonte: Contraf_CUT