Pedido de vista adia votação do projeto que suspende efeitos do CGPAR

No entanto, poderá ser pautada na sessão subsequente.
 
 

O Projeto de Decreto Legislativo (PDC) 956/2018, da Deputada Érika Kokay (PT), que tem por objetivo suspender, na sua integralidade, os efeitos da Resolução nº 23 da CGPAR não foi votado na quarta-feira (3). Depois de ser incluído na pauta da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJC) a esperança era que ele fosse aprovado, principalmente depois da manifestação pela aprovação, proferida pelo do relator do projeto, deputado Sóstenes Cavalcante (DEM-RJ).

Porém, o deputado Gilson Marques (Novo-SC) pediu vista da matéria, o que significa que a proposição não deverá entrar em pauta na próxima sessão da comissão. No entanto, poderá ser pautada na sessão subsequente.

Fonte: Contraf-CUT