Sindicatos se reúnem com Superintendência da Caixa e cobram agilidade nas soluções de demandas nas unidades

Os Sindicatos de Campina Grande e da Paraíba se reuniram na última quinta-feira (12), em João Pessoa, com o Superintendente da Caixa Econômica na Paraíba, Laércio Lemos de Souza. Na ocasião, os representantes dos trabalhadores apresentaram várias demandas locais e cobraram do gestor agilidade na solução dos problemas apontados.

Participaram da reunião, Rostand Lucena, presidente do Seeb Campina Grande e região, o Secretário Geral, Esdras Luciano, Marcelo Alves, presidente do Sindicato da Paraíba e outros diretores do Seeb_Paraíba.  

Em relação à base de Campina Grande, um dos temas levantados pelos diretores foi o anúncio da instalação de uma Superintendência do banco na cidade. Rostand Lucena, retratou a incoerência da empresa que vem praticado diversos cortes justificados pela contensão de despesas, e agora prevê a instalação de uma estrutura com alto custo. “Nossa preocupação é de que a possível superintendência venha atender apenas a interesses de grupos políticos locais, inviabilizando investimentos em prol a sociedade. A direção da Caixa terá que provar a funcionalidade da futura estrutura através de avaliações técnicas”, frisou Rostand Lucena.

Outro ponto explanado pelos dirigentes sindicais foi uma solução urgente, no tocante a execução de um projeto de reforma na agência da FIEP, que de acordo com o secretário geral, Esdras Luciano, é uma bandeira defendida há algum tempo pela entidade, mas que, apesar dos esforços, ainda não saiu do papel. 

Os representantes dos trabalhadores também reivindicaram melhorias nas agências Justiça Federal, pela falta de espaço físico adequado, e para unidade de Esperança, solicitando a instalação de um reservatório de água apropriado (outra demanda antiga defendida pelo Sindicato).

Laércio Lemos dialogou com os diretores e comprometeu-se a agilizar as reestruturações das unidades.

O Sindicato irá acompanhar  quais serão as providências tomadas para melhorar as condições de trabalho dos funcionários da Caixa.

Fonte: Seeb_CGR